Campanha de vacinação contra a poliomielite e sarampo segue até 31 de agosto

34355
Todas as crianças de um ano a menores de cinco devem se vacinar contra a poliomielite e sarampo, independente da situação vacinal. A vacinação contra a poliomielite e sarampo vai até o dia 31/08 em Campo Maior.
Para vacinar as crianças, os pais precisam levá-las em uma das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e apresentar a caderneta de vacina, não só para receber a vacina contra pólio e sarampo, mas, se for o caso, para obter informações sobre o conjunto de vacinas que estão disponíveis no SUS. 
3432
A campanha de vacinação deste ano é indiscriminada, ou seja, pretende vacinar todas as crianças dessa faixa etária no país, para manter coberturas homogêneas de vacinação.
Campanha Vacinação
Para a poliomielite, as que não tomaram nenhuma dose durante a vida, receberão a VIP. Já os menores de cinco anos que já tiverem tomado uma ou mais doses da vacina, receberão a VOP, a gotinha. Em relação ao sarampo, todas as crianças receberão uma dose da vacina Tríplice viral, independente da situação vacinal, desde que não tenham sido vacinadas nos últimos trinta dias.
CCOM - Eugênio Bringel e Valdamir Alvarenga

Três UBS foram reformadas com recursos próprios do município

Desde que assumiu a administração do município de Campo Maior, o prefeito Professor Ribinha "arregaçou as mangas" e não tem medido esforços para melhorar a saúde da população. Ele entende, como professor e prefeito, que uma das coisas mais importantes para pessoas é uma vida saudável e livre de doenças. Não deixando de dar assistência as demais pastas da gestão "Mais conquistas para todos", logo que assumiu, autorizou ao secretário Marcelo Miranda a reforma de três Unidade Básicas - UBS dos bairros Cariri, Paulo VI e na Água Branca, zona rural.

thumbnail refor6 Agua Branca

Ele atendeu as reivindicações da população que ansiava por melhoria. Todas elas, além de melhoria na estrutura física: de limpeza, pintura, substituição de material, receberam medicamentos e equipamentos novos, contando com um cenário mais agradável e confortável para receber os usuários de todas as idades.

thumbnail reforma4

"Além das reformas, inauguramos uma UBS nova, a do Bairro Fripisa, que entregamos a população em agosto, no aniversário da cidade", disse o prefeito Professor Ribinha.

Ele afirma, que está se esforçando para melhorar cada vez mais as unidades de atendimento. Além da UBS nova do Fripisa, na gestão do prefeito Ribinha foram entregues as três UBS reformadas. Que garantem mais conforto, segurança e a satisfação das equipes que trabalham e dos usuários dos serviços.

thumbnail eee2

A unidade da Comunidade Água Branca recebeu consultórios médico e odontológico reformados, sala de pequenas cirurgias, enfermaria e farmácia. A Unidade vai atender a população de 11 comunidades, através da Estratégia de Saúde da Família. O prefeito Ribinha disse que a política de melhorar o espaço de atendimentos para a população vai continuar e para isso autorizou as reformas das unidades Alto do Meio, com previsão de entrega para agosto na programação do aniversário dos 256 anos de Campo Maior.

thumbnail reforma2

O secretário Marcelo Miranda destacou a importância da qualidade na estrutura física dos postos, principalmente aqueles que não foram contemplados com as novas Unidades Básicas de Saúde, ele destacou ainda o trabalho realizado com a humanização no atendimento e a motivação aos funcionários, que são detalhes que fazem toda a diferença para quem procura os serviços oferecidos pelo município e todas as áreas da gestão pública.

 

Campo Maior, 256 anos.

Mais conquistas para todos.

 

Matéria: Valdamir Alvarenga | Revisão: Wellington Coelho

Campo Maior ultrapassa meta de vacinação de animais

thumbnail rabite1

"Quem ama cuida", com esta mensagem compreendemos a importância da Campanha de Vacinação anti rábica em cães e gatos, realizadas com sucesso todos os anos em Campo Maior. Este ano de 2018, segundo o Secretário Municipal de Saúde, Marcelo Miranda, foram vacinados 8.889 cães, atingindo 95,44% da campanha, um dos maiores índices do Piauí.

thumbnail rabite5

Do dia "D" de vacinação aos registros atuais com relação a gatos, foram vacinados 3.145, 104,20%, sendo que a meta era vacinar 3.018. "A meta geral estabelecida pelo Ministério da Saúde ao município é de 12.342, e em Campo Maior alcançamos 12.044, ou seja, 97,58% da vacinação", destacou o coordenador de Combate as Endemias Raimundo Barros.

thumbnail rabite4

A raiva, também chamada hidrofobia, é uma das doença infecciosa mais graves que existe e que pode afetar todos os mamíferos, chegando a matar mais 70.000 mil pessoas afetadas pelo virus Rhabdoviridae, que se instala nos nervos periféricos e depois no sistema nervoso central (cérebro, medula e cerebelo) e se encaminha para as glândulas salivares, de onde se propaga.

 

Segundo o coordenador, o cão e o gato, que tem uma convivência muito próxima com as pessoas, podem se tornar um dos principais inimigos do homem. Somente em Campo Maior existem 13 mil animais entre cães e gatos. Com os esforços da equipe de imunização, no dia "D", conseguiu-se ultrapassar a meta. "O resultado foi melhor do que o esperado", contou Raimundo Barros.

 

A dona de casa Maria do Rosário, do Bairro Cidade Nova, tem cinco filhos e todos são apagados aos cães e gatos, conta que “a vacinação é importante porque protege e dá segurança contra as doenças”.

 

thumbnail rabite7

O prefeito Professor Ribinha explicou que a Campanha realizada no mês de maio deste ano repete o sucesso de outras realizadas pelo município, seguido às determinações do Ministério da Saúde, porque “as ações de saúde na cidade são feitas dentro de um planejamento anual que estabelece metas e cobra resultados”.

Campo Maior, 256 anos.

Mais conquistas para todos.

Matéria: Valdamir Alvarenga | Revisão: Jorge Câmara

Prefeitura continua investindo na prática de exercícios para a melhor qualidade de vida da população

A vida de pessoas sedentárias é bem diferente de quem movimenta o corpo, mesmo quem possui algumas limitações. Além de proporcionar bem-estar, quem se movimenta tem mais saúde. Baseada nesta certeza, a Prefeitura de Campo Maior, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, todo ano realiza o Circuito Municipal de Saúde, evento alusivo ao Dia Mundial da Saúde, no dia 07 de abril.

thumbnail saude14

Segundo o prefeito Professor Ribinha, a experiência é tão boa com os resultados alcançados que todo ano o município realiza o evento para que as pessoas entendam a importância da prática de exercícios físicos e se movimentarem. Este ano, o IV Circuito de Saúde realizado pela Prefeitura aconteceu no dia 6, às vésperas das comemorações do dia 07.

thumbnail saude15

As pessoas em Campo Maior têm compreendido a importância do circuito, realizado com a finalidade de estimular o hábito da prática saudável de atividades físicas, melhorando cada vez mais a qualidade de vida. No Circuito de Saúde, a Prefeitura oferece vários serviços como práticas esportivas com orientação de educadores físicos, ginástica e dança na Praça, além de orientação, exames rápidos de Sífilis, HIV, Hepatite e outros.

thumbnail saude8

"Cuidar da saúde é necessário, especialmente estimular as pessoas a se movimentarem, por que ajuda trazer saúde para elas, de forma descontraída", explicou o Prefeito Professor Ribinha.

A aposentada Maria Antônia, de 68 anos, sabe muito bem que a prática de exercícios físicos é a fórmula que ela utiliza diariamente para abandonar medicamentos para artrose, colesterol alto e diabetes.

thumbnail aca12

O secretário de Saúde Marcelo Miranda, juntamente com o prefeito, fazem a conta na ponta do lápis do que o município gasta e o que se conseguiu reduzir ao estimularem as pessoas a se movimentarem para fugir das doenças. O secretário afirma, que além de mais economia, as pessoas vivem mais e melhor.

"Nós sabemos que quase 5 milhões de pessoas morrem no mundo por sedentarismo. Mobilizamos os profissionais de saúde para mostrarem à sociedade a importância da prática diária de exercícios", explicou Miranda, destacando que Campo Maior conta hoje com cinco academias de Saúde, uma de ginástica ao ar livre e com educadores físicos do Núcleo de Saúde da Familia- NASF, orientando as pessoas qual a melhor forma de exercícios para se manterem saudáveis.

thumbnail ca14

O secretário mostra ainda que movimentar-se propicia benefícios a todo o organismo. "Ao se movimentar, o sistema nervoso central produzirá algumas substâncias químicas chamadas serotonina, dopamina e noradrenalina. Elas são responsáveis por causar a sensação de relaxamento, bem-estar, bom humor entre outras; combate doenças graves como depressão, assegura o bom funcionamento dos órgãos, previne diabetes, Alzheímer, diminui glicose, colesterol, pressão sanguínea e gordura corporal. Evita problemas cardíacos e transtornos de ansiedade”, disse.

 

Campo Maior, 256 anos.

Mais conquistas para todos.

 

Matéria: Valdamir Alvarenga | Revisão: Jorge Câmara

Campo Maior conta com mais 2 profissionais do Programa Mais Médico

cubanos

Nesta quinta-feira (21), Campo Maior recebeu mais 02 profissionais através do Programa Mais Médicos. Os médicos Lidice e Rogelio chegaram para reforçar o atendimento à saúde no município. Além deles, o quadro de médicos conta também com o recém-chegado, Juan Sanchez.

Os profissionais integrarão as equipes Estratégias Saúde da Família (ESF), com o objetivo de atender a demanda do município ofertando uma saúde com qualidade.

"Para o secretário municipal de saúde, Marcelo Miranda, que na oportunidade recepcionou os médicos, o momento é de satisfação. “As lotações dos médicos cubanos ainda não foram definidas, pois irão depender da análise dos indicadores de saúde municipal, as quais já iniciaram e farão essa lotação nas áreas de maior necessidade conforme levantamentos bioestatísticos das áreas”,  ressaltou.

Além desses novos profissionais, Campo Maior, já conta com outros três médicos do programa que vêm atuando no município e através de um trabalho de atenção integral para toda a família, têm suprido as carências de atendimento.

 

Endereço: Praça Luiz Miranda, 318
Telefone: (86) 3252-1451
2017 - Portal da Transparência - Todos os direitos reservados